sexta-feira, 31 de outubro de 2008

Para fechar os olhos...

... relaxar e pensar apenas nas coisas boas da vida. Simplesmente adora esta música, L'Appuntamento na versão italiana de Ornella Vanoni. Descobri a música em vários filmes e desde aí que sempre que quero relaxar um pouco volto a ouvi-la vezes sem conta. Neste video a letra está traduzida para inglês.

quinta-feira, 30 de outubro de 2008

Para todos os verdadeiros amigos...


Disse um soldado ao seu comandante:

- "O meu amigo não voltou do campo de batalha. Meu comandante, solicito autorização para ir buscá-lo.

Respondeu o oficial: "Autorização negada! Não quero que você arrisque a vida porum homem que, provavelmente, está morto!"

O soldado ignorando a proibição saiu e uma hora mais tarde voltou mortalmente ferido,transportando o cadáver do seu amigo. O oficial estava furioso:

- "Eu não lhe disse que ele estava morto?! Diga-me, valia a pena ir até lá para trazer um cadáver? E o soldado, moribundo, respondeu:

- "Claro que sim, meu comandante! Quando o encontrei, ele ainda estava vivo e disse-me: Tinha a certeza que virias!

Este post a todos aqueles que considero verdadeiros amigos. Nem que seja apenas um e mesmo que se passe algo tempo sem nos vermos, porque amigo é aquele que chega quando todos os outros já foram!

quarta-feira, 29 de outubro de 2008

Desejo às Pessoas.

Desejo primeiro que ames. Que amando também sejas amada, e se não for, seja breve esquecer. E esquecendo não guarde mágoa.

Desejo também que tenhas amigos. E mesmo maus e inconsequentes, sejam corajosos e fiéis. E que pelo menos num deles, possas confiar sem duvidar.

E porque a vida é assim, desejo ainda que tenhas inimigos. Nem muitos nem poucos, e que entre eles haja pelo menos um que seja justo, para que não te sintas demasiado segura.

Desejo ainda que sejas tolerante. Não com os que erram pouco, porque isso é fácil. Mas com os que erram muito, irremediavelmente. Que fazendo bom uso dessa tolerância, sirvas de exemplo aos outros.

Desejo que sendo jovem não amadureças depressa demais, que sendo madura não insistas em rejuvenescer, e que sendo velha não te dediques ao desespero, porque cada idade tem seu prazer e sua dor, e é preciso deixar que eles escorram por entre nós.

Desejo também que plantes uma semente, por mais minúscula que seja e acompanhe seu crescimento para que saibas de quantas muitas vidas é feita uma árvore.E se tudo isso acontecer não tenho mais nada pra desejar.

terça-feira, 28 de outubro de 2008

Pensamento do Dia!


A Amizade não requer gratidão, presentes, cobranças, etc.


A Amizade requer apenas que nos lembremos de dizer:


"Olá , como estás?"


domingo, 26 de outubro de 2008

Porque a Aliança se Usa no 4º Dedo!

Teoria Chinesa que de facto não deixa de ser curiosa. Pena que nos dias de hoje seja tão fácil separar os 4ºs dedos....

video

sexta-feira, 24 de outubro de 2008

Conto: Um Cego em Paris

Dizem que havia um cego sentado na calçada em Paris, com um boné a seus pés e um pedaço de madeira que, escrito com giz branco, dizia: "Por favor, ajude-me, sou cego". Um publicitário, da área de criação, que passava em frente a ele, parou e viu umas poucas de moedas no boné. Sem pedir licença, pegou no cartaz, virou-o, pegou no giz e escreveu outro anúncio. Voltou a colocar o pedaço de madeira aos pés do cego e foi-se embora.

Pela tarde, o publicitário voltou a passar em frente ao cego que pedia esmola. Agora, o seu boné estava cheio de notas e moedas. O cego reconheceu as pisadas e lhe perguntou se havia sido ele quem reescreveu seu cartaz, sobretudo querendo saber o que havia escrito ali. O publicitário respondeu: "Nada que não esteja de acordo com o seu anúncio, mas com outras palavras". Sorriu e continuou seu caminho.

O cego nunca soube, mas seu novo cartaz dizia: "Hoje é Primavera em Paris, e eu não posso vê-la".

Mudar a estratégia quando nada nos acontece... pode trazer novas perspectivas. Precisamos sempre escolher a forma certa de nos comunicarmos com as pessoas. Não adianta simplesmente falarmos; antes, precisamos conhecer a melhor mensagem para tocarmos, sensibilizarmos e convencermos as pessoas.

Tenham um óptimo fim de semana e não se esqueçam que...

"A VIDA É UMA PEÇA DE TEATRO QUE NÃO PERMITE ENSAIOS. POR ISSO, CANTE, CHORE, DANCE, RIA E VIVA INTENSAMENTE ANTES QUE A CORTINA SE FECHE E A PEÇA TERMINE SEM APLAUSOS."

(Charles Chaplin)

quinta-feira, 23 de outubro de 2008

A Cobra e o Pirilampo

Era uma vez uma cobra que começou a perseguir um pirilampo que só vivia para brilhar...! Ele fugia rápido com medo da feroz predadora e a cobra, nem pensava em desistir. Fugiu um dia e nada. Ela não desistia, dois dias... No terceiro dia, já sem forças, o pirilampo parou e disse à cobra:
- Posso fazer-te três perguntas?
- Podes. Não costumo abrir esse precedente para ninguém mas já que te vou comer, podes perguntar.
1. Pertenço à tua cadeia alimentar?
- Não.
2. Fiz-te alguma coisa?
- Não.
3. Então porque é que me queres comer?
- PORQUE NÃO SUPORTO VER-TE BRILHAR!!!

Pensem nisto e olhem bem à vossa volta, porque sem darmos conta estamos diariamente a tropeçar em cobras!

Chove....

Chove. Chove lá fora
Chove sem qualquer perdão
Lá fora o céu chora
Aqui dentro chove solidão.

Chove. Chove lá fora
E chove cá dentro
Lá fora o céu chora
Aqui dentro chove o pensamento.

terça-feira, 21 de outubro de 2008

Mensagem para ti....

...filha. Hoje e particularmente hoje porque sinto a tua falta. É assim todos os dias, todos os santos dias. Gostava de poder ser tudo o que um PAI tem de ser, gostava de poder estar permanentemente contigo a partilhar toda a tua alegria. Quem sabe um dia isso não pode acontecer.......

A Vírgula

Vírgula pode ser uma pausa... ou não.
Não, espere.
Não espere.

Ela pode sumir com seu dinheiro.
23,4.
2,34.

Pode ser autoritária.
Aceito, obrigado.
Aceito obrigado.

Pode criar heróis.
Isso só, ele resolve.
Isso só ele resolve.

E vilões.
Esse, juiz, é corrupto.
Esse juiz é corrupto.

Ela pode ser a solução.
Vamos perder, nada foi resolvido.
Vamos perder nada, foi resolvido.

A vírgula muda uma opinião.
Não queremos saber.
Não, queremos saber.

Uma vírgula muda tudo.


E agora, vê onde colocas a vírgula na seguinte frase:

SE O HOMEM SOUBESSE O VALOR QUE TEM A MULHER ANDARIA DE QUATRO À SUA PROCURA.

Se você for mulher, certamente colocou a vírgula depois de MULHER.
Se você for homem, colocou a vírgula depois de TEM.

sexta-feira, 17 de outubro de 2008

Verde são os Campos...

Verdes são os campos
De cor de limão
Assim são os olhos
Do meu coração.

Campo, que te estendes
Com verdura bela;
Ovelhas, que nela
Vosso pasto tendes,

De ervas vos mantendes
Que traz o Verão,
E eu das lembranças
Do meu coração.

Gados que pasceis
Com contentamento,
Vosso mantimento
Não no entendereis;

Isso que comeis
Não são ervas, não:
São graças dos olhos
Do meu coração.

Luís de Camões


Depois do post menos conseguido de ontem, deixo aqui um lindissimo poema de Luís de Camões tão bem cantado e interpretado por Zeca Afonso. Lembro-me, como se fosse hoje, que de cada vez que a minha mãe ouvia esta música, uma lágrima lhe corria pelo rosto. Para ela este poema deve significar algo muito forte.

(Feeling: Melhor)

quinta-feira, 16 de outubro de 2008

Primeira Vez...

É oficial! É a primeira vez que escrevo um post alcoolicamente bem disposto. Diria até que ultrapassados todos os limites legais para poder conduzir. Mas isso não me deve impedir de escrever. Até porque não estou a conduzir.

Desde já peço desculpa por todos os mil erros ortigráficos (porra, esta foi dificil de escrever) que já dei ou ainda vou dar. Juro que não é de propósito e emendo todos os que vir. Mas se escapar algum, olha, azar.

O dia hoje não foi nem está a ser fácil, como deve dar para perceber. E foi e está a ser de tal forma que não consigo evitar o "beber para esquecer". (Eh Eh. Resulta!)Pelo menos penso 50 vezes nas palavras antes de escrever o que me evita pensar no resto. É triste mas é verdade.

E é mais triste ainda estar agarrado à merda do pc sem saber o que dizer e escrever por escrever. Desculpem-me mas hoje foi assim. Amanhã será melhor.

(Feeling: Triste e Sózinho)

(Ah obvio e com uns copos a mais)



Desabafo....

Ao som de "Foundations of Stone" penso por que me sinto assim. Triste, desgastado, num profundo sentimento de solidão que me aperta o coração. Penso em falar com alguém mas olho para a agenda telefónica e desisto. Com quem quero falar não existe. Os pensamentos aparecem desordenados, sem estrutura, sem sentido.

Não sei o que penso e não sei o que digo. Nada faz sentido. Olho à minha volta e vejo um lugar ao qual não pertenço. Só estou bem onde não estou e só quero ir a onde não vou. Nunca esta frase me fez tanto sentido como agora. Sinto-me baralhado, confuso, sem saber o motivo de tamanha angustia. Queria perceber e queria mudar.

Preciso de um abraço de um carinho teu. Sim tu, a quem eu quero falar e que continuas a não existir.

(Feeling: Perdido)

terça-feira, 14 de outubro de 2008

Sorte vs Destino

Sempre acreditei que cada pessoa tinha um destino marcado. E que cada pessoa de uma forma mis ou menos mais rápida iria encontrar esse destino ao fim de algum tempo. Como é obvio não falo da morte pois esse é o destino de todos nós. Falo sim daquilo que somos, do que fazemos ao longo da nossa vida.

No entanto, com os acontecimentos dos últimos tempos acredito agora que o destino pode ser adulterado/modificado/transformado pelo factor SORTE ou, em alguns casos, pela falta dela. Lembro-me agora de um caso hilariante que se passou com um amigo meu e que, segundo ele, lhe pode ter alterado o rumo da sua vida profissional.


Ia ele para uma entrevista de emprego numa grande e importante multinacional instalada e Portugal, para uma função de Direcção, algo que a acontecer lhe mudaria por completo a sua vida. Na deslocação para a entrevista e a escassos metros de entrar no edifício, levou com um dejecto de pombo mesmo em cima do fato, por sinal, o seu melhor fato, e mesmo na zona do peito, o mais vísivel possíel. Entre as ofensas à SORTE, tinha que decidir o que fazer. Ir à entrevista e ter que explicar o sucedido correndo o risco de fazer má figura ou não ir. Não foi. E nesse momento pode ter adulterado aquele que podia (e pode) ser o seu destino.

Muitos pensarão que não ter ido para aquela multinacional era o seu destino. Pode ser. Aliás todos os acontecimentos que tenho tido ao longo dos ultimas semanas podem ser questionados a esse nível. Foram (má) SORTE ou foi o destino?

- Ficar doente (acamado) numa numa altura em que teria uma possibilidade de promoção é SORTE ou é o Destino?

Confesso que neste últimos dias tenho tido alguma dificuldade em conseguir responder a este tipo de questões.


Feeling (Sem SORTE!)

sábado, 11 de outubro de 2008

Gosto Muito....

desta música de aqueles a que muitos chamam os novos "U2". Se calhar por também serem irlandeses. A verdade é que este "The Man Who Can't Be Moved" é fantástico. Deixo o video para apreciarem.

sexta-feira, 10 de outubro de 2008

Visão do Dalai Lama

Perguntaram ao Dalai Lama:



"O que mais o surpreende na Humanidade?"

Ele respondeu:

"Os homens...Porque perdem a saúde a juntar dinheiro, depois perdem dinheiro para recuperar a saúde. E por pensarem ansiosamente no futuro, esquecem do presente de tal forma que acabam por não viver nem o presente nem o futuro. E vivem como se nunca fossem morrer....e morrem como se nunca tivessem vivido"

Eu depois disto nada tenho a acrescentar a não ser que visão mais correcta da Humanidade tem este Senhor.

quinta-feira, 9 de outubro de 2008

Explicação para a crise financeira mundial.

"O Ti Joaquim tem uma tasca, na Vila Carrapato, e decide que vai vender copos 'fiados' aos seus leais fregueses, todos bêbados, quase todos desempregados.Porque decide vender a crédito, ele pode aumentar um pouquinho o preço da dose do tintol e da branquinha (a diferença é o sobre preço que os pinguços pagam pelo crédito).

O gerente do banco do Ti Joaquim, um ousado administrador formado em curso muito reconhecido, decide que o livrinho das dívidas da tasca constitui, afinal, um activo recebível, e começa a adiantar dinheiro ao estabelecimento, tendo o 'fiado' dos pinguços como garantia.

Uns seis executivos de bancos, mais adiante, lastreiam os tais recebíveis do banco, e os transformam em CDB, CDO, CCD, UTI, OVNI, SOS ou qualquer outro acrónimo financeiro que ninguém sabe exatamente o que quer dizer.

Esses adicionais instrumentos financeiros, alavancam o mercado de capitais e conduzem a operações estruturadas de derivativos, na BM&F, cujo lastro inicial todo mundo desconhece (os tais livrinhos das dívidas do Ti Joaquim). Esses derivativos estão sendo negociados como se fossem títulos sérios, com fortes garantias reais, nos mercados de 73 países.

Até que alguém descobre que os bêbados da Vila Carrapato não têm dinheiro para pagar as contas, e a tasca do Ti Joaquim vai à falência. E toda acadeia se lixou.

... é muito simples...!!!"

quarta-feira, 8 de outubro de 2008

Revelação...

Para quem melhor me quiser conhecer as características dos signos deve saber.

Sou....

...inteligente
...elegante (nem imaginam como!)
...líder
...orgulhoso
...magnânimo
...apaixonado
...generoso

(estas foram as características que estavam sempre presentes no meu signo nos sites que consultei)

Que signo sou eu?

A Lagartinha

Havia uma lagartinha que tinha muito medo de sair por aí e morrer pisoteada pelos homens. Por isso, foi-se fechando. As plantas também a rejeitavam, achando que ela só queria comer suas folhas. Mal sabiam que essa lagartinha gorda, e que rasteja, pedindo ajuda, poderia ser aquela borboleta que viria ajudar a polinizar as flores dessas mesmas plantas. Mas, a lagartinha só chorava, apertada, em sua tristeza, até que uma coruja, aquela ave que só consegue enxergar a noite, quando tudo está escuro, disse a ela:

- Pare de chorar, faça alguma coisa! Aí dentro de você mora uma linda borboleta, deixe-a sair. Ela pode voar, ser aceita pelos homens e pelas plantas, ver lá de cima o que voce vê daqui debaixo, mudar de jardim e tudo o mais.

A lagartinha, então, pediu ajuda. Como poderia se tornar borboleta? A coruja, sábia amiga, disse-lhe que era necessária uma metarmofose, de mudança, em que precisava se fechar num casulo para empreender esforços, que viriam dores, mas só as necessárias para fazer as mudanças. Mas o que realmente era preciso era coragem e pensamento positivo. Que poderia ser livre, bem aceita, e voar leve, por onde desejasse. Que pensasse em ser borboleta o tempo todo e tudo poderia ir mudando, até que, mais rápido do que ela imaginasse, ela sairia do casulo como uma borboleta.

E tu? Já deixaste sair a borboleta que há em ti?....

terça-feira, 7 de outubro de 2008

Nacionalismo?

O PNR (Partido Nacional Renovador) teve a infeliz ideia de afixar o cartaz da imagem na cidade de Lisboa. É isto Nacionalismo?? Não sei como ainda é possível, nos dias de hoje, que ainda existam mensagens de apelo ao racismo e xenofobia. A situação ainda tem mais impacto num país de emigrantes como o nosso. Esta mensagem é revoltante para os portugueses que cá estão mas sobretudo para os emigrantes portugueses.

Admito que a imigração poderá trazer problemas à sociedade. Sei que uma parte substancial do aumento dos crimes graves são cometidos por imigrantes, no entanto não se pode generalizar. Não se pode, por causa de um número reduzido, culpar-se o todo. Cá como lá também existem pessoas boas e outras que nem por isso.

Apesar de não gostar do estilo, nem ser seguidor do seu partido (aliás acho que não sou de nenhum), concordo com a atitude do vereador José Sá Fernandes. Há coisas pelas quais vale a pena combater. A igualdade e o combate ao racismo e à xenofobia são algumas delas.

(Feeling: Crítico)

domingo, 5 de outubro de 2008

A Pedra

O distraído nela tropeçou;
O bruto a usou como um projétil;
O empreendedor, usando-a, construiu;
O camponês, cansado da lida, dela fez assento;
Para as crianças foi brinquedo;
Drummond a poetizou;
Com ela Davi matou Golias;
O artista fez dela a mais bela escultura...
Em todos os casos, a diferença não era a pedra, mas sim o homem.



(Autor Desconhecido)

Barcelona

Cidade de Gaudí, das Ramblas, da Sagrada Família e deste tema maravilhoso. que beleza!!!


sexta-feira, 3 de outubro de 2008

O Quadro

Um homem havia pintado um lindo quadro. No dia de apresentá-lo ao público, convidou todo mundo para vê-lo.Compareceram as autoridades locais, fotógrafos, jornalistas, e muita gente, pois o pintor era muito famoso e um grande artista. Chegado o momento, o pano que encobria o quadro foi retirado. Houveram calorosos aplausos. Era uma impressionante figura de Jesus batendo suavemente à porta de uma casa.

O Cristo parecia vivo. Com o ouvido junto à porta, Ele parecia querer ouvir se lá dentro alguém respondia. Houveram discursos e elogios.Todos admiravam aquela obra de arte.Um observador curioso porém, achou uma falha no quadro: a porta não tinha fechadura.E foi perguntar ao artista:

- Sua porta não tem fechadura! Como se fará para abri-la?

- É assim mesmo, respondeu o pintor, esta é a porta do coração humano. Só se abre do lado de dentro.

quinta-feira, 2 de outubro de 2008

Roxette

Nos anos 80, mais precisamente em 1986 surgiu na Suécia uma banda que se tornou num tremendo sucesso mundial e que ficou para sempre registada na minha memória. Temas como, Listen to Your Heart (video abaixo), The Look, It Must have Been Love, Joyride, Vulnerable, Spending My Time, entre muitos muitos outros fizeram as delícias de muita gente e também a minha. E como boa música é eterna fica aqui a recordação.


quarta-feira, 1 de outubro de 2008

Ocupado...

Deve chamar-se tristeza
Isto que não sei que seja
Que me inquieta sem surpresa
Saudade que não deseja.

Sim, tristeza - mas aquela
Que nasce de conhecer
Que ao longe está uma estrela
E ao perto está não a ter.

Seja o que for, é o que tenho.
Tudo mais é tudo só.
E eu deixo ir o pó que apanho.
De entre as mãos ricas de pó.
(Fernando Pessoa)