quinta-feira, 4 de março de 2010

Quero ser mil....quero ser ninguém!

Quero ser mil. Quer multiplicar-me....dividir-me. Chegar a todo lado. Fazer tudo o que tenho para fazer. O que quero fazer no meu trabalho. Novos projectos, que me exigem tempo, e sobretudo muita dedicação. Não tenho tempo. Tenho tudo o resto, "velhos" projectos a que tenho que dar continuidade, formar as "minhas meninas", chefiar, liderar. Reportar à minha cada vez mais exigente Administração. Quero fazer tudo, corresponder a tudo hoje, já hoje e não amanhã!!

Quero ser mil. Quero dedicar-me a algo meu, à "minha empresa" (que não existe, note-se! Ainda !) Quero ter o meu projecto. Tirá-lo da cabeça e do papel e tornar o mesmo realidade. Preciso de tempo, quero ter tempo. Quero vê-lo nascer, crescer prosperar. Quero sentir que contribui para algo, para o desenvolvimento da minha terra. Quero poder fazer tudo já hoje.

Quero ser mil. Dedicar-me à minha filha a tempo inteiro. É por ela que vivo e que pauto as minhas decisões. Vê-la crescer "sã e salva", com saúde e sobretudo feliz. Dar-lhe asas para ela voar, sozinha! Paradoxo? Nem por isso. Digamos apenas que é ... lógico! Protege-la, Ser pai a todo o tempo, de manhã à noite. Estar com ela em todos os momentos que para ela são importantes. Embalá-la nos meus braços a toda a hora. Rir-me com ela.

Quero ser ninguém. Não fazer nada. Estou cansado! Quero estar sozinho, que ninguém me chateie, que se esqueçam que eu existo. Deixem-me apenas descansar...."não fazer nenhum"...viver sem preocupações sem chatices. Viver livremente sem dar cavaco a quem quer que seja. Quero ser ninguém!!!

3 comentários:

nina disse...

Tu és mil e és alguém! Milalguéns ;)
Um beijinho para ti e força aí vais conseguir tudo isso e até muito mais. Acredita!

Blue Moon disse...

Obrigado por essas palavras nina!

continuando assim... disse...

convite para seguir a história de Alice, lá no
--- continuando assim... ---

vai do capítulo 4 , e ainda há tanto para contar ;)

bj
teresa